quarta-feira, 26 de março de 2014

Resposta a calvinistas fanáticos

Já faz alguns meses que escrevi o artigo intitulado O calvinismo na teoria e a impossibilidade de vivê-lo na prática ou a onipresença do arminianismo. Só agora, entretanto me dei conta de que alguns comentários foram acrescentados. Eles merecem respostas.

A seguir posto os comentários por partes, em negrito e itálico; as minhas respostas vêm em seguida em caracteres normais: