quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Pastor fracassa ao tentar lançar TV em 150 países

Ricardo Feltrin
Colunista do UOL

Clube de 1 Milhão de Almas - Silas Malafaia e Mike Murdock

No começo de abril, o pastor Silas Malafaia, então ligado à Assembleia de Deus, lançou em parceria com outro pastor norte-americano, Mike Murdock, um plano para arrecadar R$ 1 bilhão. O dinheiro seria empregado em evangelização em todo o mundo e manutenção de programas de TV em pelo menos 140 países. Malafaia batizou o plano de "Clube de 1 milhão de Almas". Cada fiel que aceitasse colaborar teria de doar R$ 1 mil.
Por causa do plano, o pastor recebeu severas críticas de setores não só da Assembleia de Deus, mas também de outras linhas evangélicas. Por causa das críticas, o pastor teria se afastado da AD.
Quatro meses depois de lançado o plano, ele resulta em fracasso numérico e financeiro. Até esta terça-feira, 3 de agosto, nem mesmo 5.000 pessoas aderiram ao programa, embora o pastor esteja fazendo propaganda ostensiva em horários que adquire na TV e no rádio.
Se prosseguir na atual toada, o pastor levará 330 anos para completar o milhão de almas. O acordo que ele disse ter fechado para exibir programas em outros países seria válido apenas para este ano.
O "sócio" de Malafaia na empreitada, Murdock, é pregador conhecido como ferrenho defensor da teologia da prosperidade --aquela que, grosso modo, prega que o fiel cristão pode obter ganhos financeiros e materiais única e exclusivamente através de sua fé, e que essa fé deve ser demonstrada com uma espécie de generosidade para com a igreja com que ele, fiel, frequenta.
Ao doar parte do que tem, o fiel teria uma contrapartida divina garantida, já que "Deus é fiel" (em seu acordo com os humanos).
É o mesmo discurso da Igreja Universal e da Renascer em Cristo, que lançam constantemente "desafios" para seus fiéis, que, quase sempre, resultam na doação de dinheiro para esta ou aquela "causa" da igreja. A IURD, no momento atual, está pedindo e recebendo doações para construir uma réplica do templo de Salomão; a Renascer, para reconstruir sua sede.
Fonte: http://noticias.uol.com.br/ooops/ultimas-noticias/2010/08/03/pastor-fracassa-ao-tentar-lancar-tv-em-150-paises.jhtm




Comentário: 


Que deliciosa notícia! É inimaginável que qualquer um dos apóstolos de Cristo (os verdadeiros), pelo caráter e obra deles, conforme apresentados nas Escrituras, promoveriam algo semelhante, numa situação hipotética, se fossem vivos nos dias atuais. Esses megaprojetos são manifestações doentias de mentes megalomaníacas, de pessoas com egos inflados. Precisamos voltar à simplicidade do evangelho, ao evangelismo pessoal, à pregação do evangelho por meio dos relacionamentos seguindo o exemplo da igreja neotestamentária que tinha um imenso amor pelos perdidos sem se tornar um peso para as ovelhas, e sem fazer comércio de ninguém para enriquecimento ilícito de líderes inescrupulosos. 


A igreja neotestamentária era perseguida por pregar e viver a verdade em simplicidade. Atualmente a igreja é perseguida pela espoliação sobretudo dos mais pobres, pilhagem, saque e rapinagem dos que ilusoriamente pensam poder comprar os benefícios de DEUS. Lamentavelmente, pelas práticas repugnantes como as do pastor(?) Silas Malafáia, todos os chamados evangélicos são envergonhados sendo colocados na vala comum. Abandonei esse rótulo há muito tempo para não ser confundido com promotores do "evangelho mercenário". Sou apenas um cristão, discípulo de Cristo. 


Vivemos os tempos da igreja de Laodicéia, prestes a ser vomitada da boca do Senhor Jesus. Todavia é Ele quem separará o joio do trigo. Mas em nossas mãos reside a responsabilidade para que, como crentes bereanos, denunciemos os lobos em meio aos cordeiros. 


Urge um combate mais ferrenho à demoníaca teologia da prosperidade pregada em nome de Jesus. O fracasso de Silas é uma convincente evidencia de que mentes estão sendo libertadas do engano e da sedução dos últimos dias. Devemos prosseguir denunciando os falsos profetas que fazem das contribuições um prêmio de loteria. 


Quanto a Silas Malafaia, alguém que admirei num agora distante passado, que se arrependa dos seus crimes ou se converta, e pregue o genuíno evangelho. E o fracassado "clube de 1 milhão de almas", como havia escrito neste blog em outro artigo, era uma falsa profecia. Nunca seria cumprida. Vejamos o que a Palavra diz quanto as falsas profecias:


Deuteronômio 18.20-22: 


"Mas o profeta que ousar falar em meu nome alguma coisa que não lhe ordenei, ou que falar em nome de outros deuses, terá que ser morto. Mas vocês perguntem a si mesmos: "Como saberemos se uma mensagem não vem do Senhor? " Se o que o profeta proclamar em nome do Senhor não acontecer nem se cumprir, essa mensagem não vem do Senhor. Aquele profeta falou com presunção. Não tenham medo dele" (Nova Versão Internacional).   



Pelos critérios da Bíblia, Silas Malafaia e Mike Murdock proferiram profecias que não se cumpriram. São portanto falsos profetas. Nos tempos do Antigo Testamento teriam que ser mortos. Que eles agradeçam a Deus por viverem sob a nova aliança. 


Mas ai dos que querem seguir o caminho dos falsos profetas!


Sandro Moraes

6 comentários:

disse...

Em um passado não muito distante também o admirava, mas logo vi que iria se corromper, pois não estava ganhando nada só criticando, só estava levando processos dos homossexuais e não conseguia sucesso em seus planos, e foi então que resolveu se calar para tudo,e andar com Terra Nova e lembrei me do quanto ele havia criticado o G12 e pensei, meu Deus, o que ele fará com todos aqueles que compraram seus Dvds que na época ele foi tremendamente contra?? E hoje esta aí junto comendo no mesmo prato. O que ele falará a esses que acreditaram nele e ELE logo mudou?? Fiquei triste, pois sempre o acompanhei nunca fui muito amante de seus sermões pois gritava muito e usava de palavras chulas, mas o achava firme na verdade, era um bom referêncial, mas se perdeu,lamentavelmente. Paz!

marcos disse...

também durante anos tive malafaia como referencia, de alguem com relacionamento com Deus e que queria pregar o evangelho libertando as pessoas de seus catieiros de pecado, sempre admirei a capacidade e inteligencia dele, sempre gostei das suas pregações e de como conseguia falar tanto para leigos como para os mais altos intelectuais, mais desde que percebi sua mensagem de "DÊ E RECEBA MUITO MAIS QUE COMECEI A FICAR COM PÉ ATRAZ" mais de todo o meu coração desejo que ele volte a ser um homem de Deus.

Presb. Fabio Scofield disse...

Olá! Irmão Sandro, Graça e Paz...

Parabéns pela postagem, este fracasso do Pr. Silas Malafaia é bem compreensível, afinal almas, mesmo que elas estejam se perdendo, não se pode comprá-las, nem mesmo ao preço de Hum Milhão de Reais, porque só existe uma moeda que tem valor suficiente para comprá-las, em qualquer lugar do mundo, está moeda é o precioso Sangue Carmesim. O resto é moeda podre.
Irmão Sandro, muito obrigado por colocar o meu humilde blog na sua lista de favoritos.
Deus abençoe ricamente a sua vida e sua família...

Adriana disse...

Olá

Li um comentário seu no blog Cabalau e achei ponderado e equilibrado.
Estou te seguindo e aguardo sua visita ao meu humilde blog.

abs

Aurelio MC Gomes disse...

A paz do Senhor Jesus seja com vc
Será um prazer ler seus comentários,
Faça um Blogueiro mais feliz, COMENTE!

Esta pequena reflexão nos mostra uma realidade que não deveria existir de maneira alguma
Laia.......

"Clique Aqui -> Dia Dos Pais [Reflexão]"

"http://aureliomcgomes.blogspot.com/2010/08/diadospaisreflexao.html"

Amo ler seus comentários e tenho prazer em responde-los

"clique aqui http://aureliomcgomes.blogspot.com/"

Fique na paz do Senhor

Atenciosamente,
"Aurelio MC Gomes - Blog Eu Sou o Mensageiro!"

Sandro Moraes disse...

Queridos, obrigado a todos pela visita. É sempre um prazer recebê-los. Aurélio, parabéns pela reflexão que envolve o abandono dos idosos nos asilos. Deixei um comentário. E Adriana, bela a proposta do seu blog. Li alguns artigos e a reportagem da revista Época sobre a nova reforma protestante e o universo "gospel" que se tornou babel. Parabéns!